1a. Convenção de Genebra faz 150 anos


Henri Dunant

Henri Dunant

Há 150 anos a primeira Convenção de Genebra ocorreu nesta cidade Suiça por iniciativa de Henri Dunant, ganhador do prêmio Nobel da Paz em 1901. Hoje as Convenções de Genebra são uma série de tratados internacionais relativos ao Direito Humanitário Internacional. Estes tratados colocaram pela primeira vez em termos inéditos os diretos de pessoas combatentes ou não em tempos de guerra.

Henri Dunant presenciou em 1859 a Batalha de Solferino onde lutaram cerca de 200 mil soldados que resultou em mais de 20 mil feridos em ambos os lados.

Comovido pelo grande horror da batalha e da falta de humanidade no trato com os feridos Henri Dunant iniciou uma campanha que resultou na primeira convenção de Genebra que marca a criação da Cruz Vermelha.

Batalha de Solferino

Batalha de Solferino

Entre os conceitos básicos propostos pelas Convenções de Genebra estão:
Respeitar e cuidar dos militares feridos ou doentes sem discriminação. A obrigação de tratar os prisioneiros humanamente, sendo a tortura e quaisquer atos de pressão física ou psicológica proibidos
Obrigações sanitárias, seja ao nível da higiene ou da alimentação. Ambulâncias e os hospitais são protegidos de todo ato hostil. Definir o tratamento de prisioneiros de guerra.
O respeito da religião dos prisioneiros. Os civis são claramente protegidos de toda hostilidade.

Todo ato de violação pelas nações que ratificaram as Convenções de Genebra pode conduzir a um processo diante da Corte Internacional de Justiça.

Clique aqui para conehcer mais sobre a Cruz Vermelha Internacional.

Diamante Vermelho

Diamante Vermelho

Na última reunião agora chamada de encontro diplomático foi adotado o Cristal Vermelho também conhecido como Diamante Vermelho. Aprovado pela Cruz Vermelha International como simbolo neutro sem conter referencia a qualquer religião.